1

Filha, aos 434 dias de vida OUT faço contigo aquilo que delirava fazer quando era do tamanho da tua altura!

Encho a banheira de água quentinha, de brinquedos e de espuma e enfio-te a ti e a mim dentro dela!
Aos 434 dias de vida OUT... o nosso primeiro banho oficial JUNTAS!
Quando a Mãe era pequenina delirava tomar banho 
com a Avó e com a Tia Mé!
Ai.... que saudades tão... mas tão boas!!!
Lembro-me de enchermos a banheira com água quente e de ligarmos a sofagem para aquecer a casa de banho e de colocarmos as toalhas por cima da sofagem para ficarem quentinhas!!!

Tão bom... mas tão bom, Filha!!! 
Lembro-me de observar o espelho da casa de banho dos Avós a embaciar!
Lembro-me de estar dentro da banheira tanto... tanto... tantooooo tempo!!!
Lembro-me que o sabonete ficava mole do tanto tempo que ficava dentro de água!
Lembro-me que a água ficava cheia de sabonete!
Lembro-me de lhe marcar os meus dedos, de fazer pressão sobre o sabonete e de ficar a observar as marcas que os meus dedos deixavam sobre o sabonete mole.
Lembro-me, até, do cheiro do sabonete: Lux. Branquinho.

Lembro-me que ficávamos tanto tempo a brincar que chegávamos a abrir a torneira da água quente para voltarmos a ter a água da banheira quentinha.
Lembro-me de ficar com as palmas das mãos e dos pés, absolutamente, enrugadas do tanto tempo que ficava dentro de água.
Lembro-me do tão bom que era sair do banho, ficar de pé em cima da tampa da sanita enquanto me embrulhavam na toalha quentinha aquecida na sofagem.
Filha, aos 434 dias de vida OUT faço contigo aquilo que delirava fazer quando era do tamanho da tua altura!
E guardo num lugar especial o tempo, a disponibilidade, a companhia, a cumplicidade, o afecto, a atenção, o cuidado, a empatia e tudo o que cabe dentro e estravaza de uma banheira 
de Mãe e Filha!
Hoje sou eu que preparo o nosso banho.
Hoje sou eu que sou a Mãe e tu a Filha!
Hoje valorizo, ainda mais, tudo aquilo que fizeram comigo... especialmente as coisas simples de todos os dias... e agradeço e acredito, profundamente, nos impactos duradouros e tão intensos e bonitos que tudo tem na minha vida.
Hoje sei que tudo é tão importante e tão decisivo.
Tudo.
Especialmente as coisas simples de todos os dias...

Nota Mental: Love is Simple.

1 comments:

semi-nomada disse...

Então e fotos da macaca com a sua banana, no Carnaval de Loures?!
;-)
Estavam muito giras! Espero que as fotos debaixo da palmeira tenham ficado bem!
Beijinhos